Trilogia Através do Universo - Beth Revis

“Eu não posso pensar em nada a não ser nas estrelas. É como se um pedaço da minha alma estivesse perdido, vazio, e agora está preenchido com a luz de um milhão de estrelas.”




Autora: Beth Revis
Páginas: 408 Através do Universo, 376 Um Milhão de Sóis e 416 Vestígios da Terra
Editora: Novo Século
Sinopse primeiro livro: Amy deixou para trás seus amigos, seu namorado, seu mundo inteiro para se juntar aos pais a bordo da nave espacial Godspeed. Para a longa viagem, ela e seus pais foram criogenicamente congelados, esperando enfim acordarem em um novo planeta: Terra-Centauri. Porém, cinquenta anos antes do previsto, a câmara criogênica de número 42 é misteriosamente desligada, e Amy se vê forçada a sair de seu profundo sono de gelo. Alguém havia tentado matá-la. Agora, Amy está presa em um novo – e pequeno – mundo, onde nada parece fazer sentido. Os 2312 passageiros a bordo de Godspeed são liderados pelo tirânico e assustador Eldest. Elder, seu rebelde sucessor, parece ao mesmo tempo fascinado por Amy e ansioso por descobrir nele mesmo tudo o que se espera de um líder. Amy quer desesperadamente confiar em Elder, mas será que ela deve colocar seu destino nas mãos de um garoto que jamais conhecera a vida fora daquelas frias paredes de metal? Tudo o que Amy sabe é que ela e Elder devem correr para desvendar os segredos mais ocultos de Godspeed, antes que o assassino tente matá-la novamente.

Comentário: como todos sabem, sou fanática por distopias, acho que já li quase todas que saíram até hoje kkkkk (sim, foi exagero), e quando me deparei com essas capas maravilhosas não consegui resistir! Não se trata apenas de uma distopia, é uma mistura de distopia com aventura e ficção científica, o que chamou bastante minha atenção, já fazia um bom tempo que não lia nada de ficção científica, e a premissa dessa série me deixou bem curiosa!
“Essa... essa não era a última imagem dela que eu queria ter. Crostas amarelas nos olhos, tubos cheios de fios enfiados em dua garganta, um suave brilho azulado correndo por suas veias.”
Enredo e Narrativa: cada capítulo do livro é descrito por um personagem, sendo eles Amy e Elder. No início conhecemos Amy, que está numa cena nem um pouco convencional, vendo seus pais nus entrarem numa caixa onde permanecerão congelados por 300 anos dentro de uma nave que partirá para um novo planeta. Sua mãe cientista e seu pai militar, são essenciais para que essa missão dê certo, afinal não sabem o que vão encontrar no novo planeta, mas Amy não é necessária, é uma não essencial que só pode ir devido a influência de seus pais. Ela tem a escolha de ficar e viver uma vida normal na Terra com seus tios, mas resolve partir nessa aventura também.

Amy permanece congelada, viva entre sonho e ilusão, perdida sem saber quanto tempo se passou e se está acordada ou sonhando, enquanto isso a nave já está no espaço e é comandada por Eldest (ancião), um sujeito que fará de tudo para manter a nave viva e treinar Elder, seu sucessor.

E assim vamos conhecendo um pouco da nave e dos tripulantes, mas algo inesperado acontece, Amy acorda cerca de 50 anos antes do tempo, ninguém sabe o que aconteceu e porque aconteceu, o fato é que ela terá sérias dificuldades para viver na nave, afinal todos lá são monoétnicos, e de repente aparece uma jovem com pele extremamente clara, ruiva e de olhos verdes, Amy não será bem aceita pela tripulação, mas Elder fará de tudo para mante-la em segurança.

E assim segue o primeiro livro da série, mas ao longo da história vemos que tem muitos segredos que não foram revelados e muitas mentiras contadas por aqueles que pareciam ser os mais confiáveis. O primeiro livro foca mais nesse ponto, em como sobreviver na nave, o que cada um faz e como, até começar a ter acontecimentos estranhos que mudará toda a história.

Já o segundo livro foca mais na busca por respostas e por entender tudo o que está acontecendo por lá. Tem mais ação e é mais intenso que o primeiro.

O terceiro livro, que na minha opinião foi o melhor, acho que não vou falar do que se trata senão seria spoiler kkkkk só lendo para saber, mas acreditem, é incrível! Os dois primeiros não achei lá aquelas coisas, parecia mais uma história adolescente, já o terceiro mostra para o que veio, cheio de mistério e ação, a cada página aparece uma nova descoberta, o que torna a trama eletrizante!
“Às vezes parece que mil anos se passaram; às vezes parece que adormeci há apenas um momento. Eu me sinto na maior parte do tempo como se estivesse naquele estranho estado no qual fico meio que dormindo, meio que acordada.”
Conclusão: a série no começo não me surpreendeu, parecia mais com um romance adolescente dentro de uma nave no espaço kkkkk, mas me surpreendi com o desenrolar ao longo dos livros. Para mim o último foi sem dúvidas o melhor! Como eu disse anteriormente, à cada página aparecia uma nova descoberta e novas perguntas, mas foi tudo muito bem respondido. O livro é cheio de detalhes, explica tudo muito bem sem deixar pontas soltas, o que gostei bastante, você até mesmo acaba descobrindo algumas coisas interessantes sobre o universo! Enfim, recomendo bastante a leitura para quem gosta desse tipo de história, achei bem interessante a agonizante em certos momentos!
Esquema da nave Godspeed

16 comentários. Clique aqui para comentar também.:

Gabriela Soares disse... [Responder comentário]

Essa história de acordar dentro da nave me lembrou um filme que agora eu esqueci o nome, mas que os protagonistas também acordam antes da hora haha ainda não conhecia a trilogia, mas parece bem interessante, gostei!
Um beijão,
Gabs do likegabs.blogspot.com ❣

Amiga Delicada disse... [Responder comentário]

A trilogia parece maravilhosa, adoro essas histórias fora de nosso planeta hehe!

Bjinhos,
❥ AmigaDelicada.com.br

Lisa Lareyna disse... [Responder comentário]

Great post! :)♡

xoxo
Lisa from hashtagbeyourself.blogspot.ch | Instagram

Click Literário disse... [Responder comentário]

Oi!! Eu gosto de ler distopias também, mas depende do enredo. Achei bem interessante a proposta e não me pareceu um romance adolescente rsrs Bjos ♥️

Click Literário 

Luiza disse... [Responder comentário]

Adorei a postagem, pude conhecer mais dessa série de livros que sempre tive curiosidade pelas capas que chamam atenção.
Bjs
https://eternamente-princesa.blogspot.com.br/

O Que Tem Na Nossa Estante disse... [Responder comentário]

Oi Patricia! Tudo bem? Confesso que ando cansada de distopias, mas pelo o que vc diz essa é bem interessante. E o fato de estar relacionada com ficção científica me agrada bastante! Sem conta as capas, realmente são bonitas!

Bjs, Mi

O que tem na nossa estante

Nessa disse... [Responder comentário]

Oie
Faz tempinho já que não leio distopias. Os livros parecem ser bons, gostei do enredo. Ainda não conhecia.

Beijinhos
http://diariodeincentivoaleitura.blogspot.com.br/

Esther De Sa disse... [Responder comentário]

Olá Patricia, tudo bem?
Amo distopias e nunca li nada parecido, fiquei bastante curiosa.
Menina, uma capa mais linda que a outra,rs.
Beijos!

Http://excentricagarota.blogspot.com.br

Jessica Andrade disse... [Responder comentário]

Oii,
Sempre tive curiosidade em ler esses livros.
Com certeza estão na minha lista de leituras futuras.

Bjs e uma boa semana!
Diário dos Livros
Siga o Instagram

Michael Vasconcelos disse... [Responder comentário]

Oie!

Tenho vontade de ler!

Abraços...

http://submundosliterarios.blogspot.com.br/

Sil disse... [Responder comentário]

Olá, Patricia.
Teve uma época que eu não podia ver livros em promoção que já comprava e as vezes nem lia as sinopses, as vezes era só pela capa. E foi assim que comprei o primeiro livro, por causa da promoção e da capa linda. Mas como não tinha os outros ele está parado lá na estante até agora. Mas assim que der eu vou ler porque parece ser muito interessante.

Prefácio

Luiza Helena Vieira disse... [Responder comentário]

Oi, Patrícia!
Realmente essas capas são sensacionais!
Eu perdi o interesse porque achei que seria mais uma distopia, mas é bom saber que tem um pouco de ficção científica.
Beijos
Balaio de Babados
Sorteio Literário de Carnaval
Resenha premiada Paixão e Crime
Sorteio Três Anos de Historiar

Desbravador de Mundos disse... [Responder comentário]

Olá!
A premissa da série é realmente boa, apesar de parecer um pouco com romance juvenil mesmo. Mas o fato de ter uns traços de ficção científica me interessa.
Darei uma chance.

Desbravador de Mundos - Participe do top comentarista de março. Serão três livros como prêmio, sendo dois autografados.

Nana Barcellos disse... [Responder comentário]

Olá,
Gente que capas mais lindas.
Te confesso que quase não leio distopias, mas me interessei nessa e foi pra lista. Adorei saber que o terceiro foi seu favorito, já anima \o

tenha um ótimo final de semana.
Nana - Obsession Valley

Diana Canaverde disse... [Responder comentário]

Oi Pati, tudo bem?
Menina adorei a resenha. Tenho namorada essa trilogia já faz um tempo, então para que não haja esquecimento, vou colocar o primeiro livro na minha lista interminável rs. Como você sabe eu amo distopia com ficção cientifica, então bastou você citar isso para me ganhar de vez. Xero!

https://minhasescriturasdih.blogspot.com.br

Aline Goettems disse... [Responder comentário]

oie, tudo bem?
Não conhecia essa Trilogia, mas também sou a louca dos livros com Distopia, e essas capas maravilhosas? Quero ler hoje mesmo.
Adorei o post, e saber mais sobre essas belezinhas.
Beijos!
Lost Words

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Topo